30/09/09

Sala de operações

Cinco cirurgiões discutiam sobre quais os melhores pacientes numa sala de operações. Dizia o primeiro:
- Gosto de operar contabilistas porque, quando os abres, todos os órgãos estão numerados e ordenados.
O segundo retorquiu:
- Sim, mas melhor são os electricistas porque todos os órgãos estão codificados por cores. Não há qualquer risco de engano.
Ao que respondeu o terceiro:
- Qual quê!!! Os melhores são os bibliotecários. Dentro deles tudo está ordenado alfabeticamente.
O quarto cirurgião opinou:
- Não há como os mecânicos. Eles até já transportam uma reserva dos órgãos que são necessários substituir.
Finalmente, disse o quinto:
- Deixem-me discordar de todos vocês, meus caros companheiros mas, em minha opinião, os melhores pacientes para operar são os políticos. Não têm coração, não têm estômago nem tomates. Além disso, pode-se-lhes trocar o cérebro com o cú que ninguém dá conta de nada.

28/09/09

Utilitários

clique na imagem para aceder

... today's gonna be a good day.


UE processa Portugal por défice excessivo

Bruxelas vai colocar Portugal sob vigilância orçamental, avançando com um calendário para sair da situação de desequilíbrio das contas superior a 3% do PIB.

Exame Expresso, 28 de Set de 2009

Feliz ou infeliz?

José Sócrates

... ganhou as eleições, apesar de ter perdido a maioria absoluta e 24 deputados - uma brutalidade. Mantém-se no poder, ao contrário do que parecia há apenas três semanas, mas está muito fragilizado.

Sócrates tem pela frente dois anos - o prazo de validade deste governo - de extrema dificuldade.
Politicamente, tem uma mão cheia de adversários. Em Belém, Cavaco ainda não clarificou se tem ou não uma granada para rebentar - embora seja de prever alguma hostilidade.
Num Parlamento sem maioria, terá de negociar medida a medida - o que não lhe está no sangue -, a começar pelo Orçamento do Estado, já em Janeiro.
E no país real terá de gerir uma situação económica explosiva: o desemprego continuará a aumentar - esperam-se mais cem mil pessoas sem trabalho; o aliado espanhol, principal destino das exportações, permanece nos cuidados intensivos; os juros vão subir; a dívida pública atingiu números pornográficos e o défice está em roda livre.
Não bastará dizer que as finanças públicas estão sob controlo, Sócrates terá de o provar. Como? Os apoios extraordinários à economia terão de ser cortados, se não em 2010, pelo menos em 2011.
Não há milagres: os cofres públicos estão sujeitos a uma tremenda pressão, empresas e pessoas não aguentam mais impostos.
Sócrates terá de conseguir a quadratura do círculo: passar de um ciclo de intervenção do Estado para outro onde a iniciativa privada recupera o pé. Será possível?
Com 29 deputados perdidos, quem serão os aliados?
Para já, só há adversários. E o Freeport anda por aí...

26/09/09

F-16

no segredo dos deuses!

Em quem votará cidadão português que viajou até à Madeira, onde na farmácia lhe foi recusada a comparticipação do Estado nos medicamentos por apresentar o cartão de utente do Serviço Nacional de Saúde, emitido no Continente?

25/09/09

Novas Profissões... ou a mania dos títulos à portuguesa!

O Portugal de especialistas!
  • Especialista de Fluxos de Distribuição - (paquete)
  • Supervisora Geral de Bem-Estar, Higiene e Saúde - (mulher da limpeza)
  • Coordenador de Fluxos de Entradas e Saídas - (porteiro)
  • Coordenador de Movimentações e Vigilância Nocturna - (segurança)
  • Distribuidor de Recursos Humanos - (motorista de autocarro)
  • Especialista em Logística de Combustíveis - (empregado da bomba de gasolina)
  • Assessor de Engenharia Civil - (trolha)
  • Consultor Especialista em Logística Alimentar - (empregado de mesa)
  • Técnico de Limpeza e Saneamento de Vias Públicas - (varredor)
  • Técnica Conselheira de Assuntos Gerais - (cartomante/taróloga)
  • Técnica em Terapia Masculina - (prostituta)
  • Técnica Especialista em Terapia Masculina - (prostituta de luxo)
  • Especialista em Logística de Produtos Químico-Farmacêuticos - (traficante de droga)
  • Técnico de Marketing Direccionado - (vigarista)
  • Coordenador de Fluxos de Artigos - (receptador de objectos roubados)
  • Técnico Superior de Recolha de Artigos Pessoais - (carteirista)
  • Técnico de Redistribuição de Rendimentos - (ladrão)
  • Técnico Superior Especialista de Assuntos Específicos Não Especializados - (político)
  • José Sócrates - (engenhero)

Garantias dum Seguro de Saúde!

Privatização da Saúde? Não, obrigado!

Até dá orgulho ser Português!!!!

Neste nosso país de "tanga", nem tudo é mau...

Num hotel de uma estância de esqui na Suíça, havia um cartaz a informar as condições da neve:

- Neuchatel, 12 cm, mole;
- Lausanne, 18 cm , escorregadia;
- Schaffhausen, 15 cm, consistente.

Por baixo, alguém escreveu:


- Sebastião da Silva, 23 cm , rija.


(Pode ser mentiroso...Mas português é, de certeza!...)...

ser português é:


Levar arroz de frango para a praia.
Guardar as cuecas velhas para polir o carro.
Lavar o carro na rua, ao domingo.
Ter pelo menos duas camisas traficadas da Lacoste e uma da Tommy (de cor amarelo-canário e azul-cueca).
Passar o domingo no shopping.
Tirar a cera dos ouvidos com a chave do carro ou com a tampa da esferográfica.
Ter bigode.
Viajar pró cu de Judas e encontrar outro Tuga no restaurante.
Receber visitas e ir logo mostrar a casa toda.
Enfeitar as estantes da sala com os presentes do casamento.
Exigir que lhe chamem 'Doutor'.
Exigir que o tratem por Sr. Engenheiro.
Axaxinar o Portuguex ao eskrever.
Gastar 50 mil euros no Mercedes C220 cdi, mas não comprar o kit mãos-livres, porque 'é caro'.
Já ter 'ido à bruxa'.
Filhos baptizados e de catecismo na mão, mas nunca pôr os pés na igreja.
Não ser racista, mas abrir uma excepção com os ciganos.
Ir de carro para todo o lado, aconteça o que acontecer, e pelo menos, a 500 metros de casa.
Conduzir sempre pela faixa da esquerda da auto-estrada (a da direita é para os camiões).
Cometer 3 infracções ao código da estrada, por quilómetro percorrido!!!
Ter três telemóveis.
Gastar uma fortuna no telemóvel mas pensar duas vezes antes de ir ao dentista.
Ir à bola, comprar o bilhete 'prá-geral' e saltar 'prá-central'.
Viver em casa dos pais até aos 30 anos ou mais.
Ser mal atendido num serviço, ficar lixado da vida, mas não reclamar por escrito 'porque não se quer aborrecer'.
Falar mal do Governo eleito e esquecer-se que votou nele.



Viva Portugal, carago...

22/09/09

Défice do Estado


Défice sobe a 8,712 mil milhões de euros.

O défice do Estado regista uma média diária próxima de 36 milhões de euros, o que significa que em cada hora que passa o buraco entre as receitas e as despesas é de 1,5 milhões de euros. O ritmo do défice aumentou este ano 153% face aos primeiros oito meses de 2008.
No ano passado o saldo negativo do Estado registava 3,436 mil milhões, este ano já ascende a 8,712 mil milhões.

Correio da Manhã, em 22 Setembro 2009

Segurança Social perdeu 900 milhões de euros

Despesa continua a aumentar mais do que receita. Défice do Estado mais do que duplicou.

Jornal de Notícias, 22 Setembro 2009

21/09/09

prémios de gestão milionários

Os cinco administradores executivos da REN – Redes Energéticas Nacionais – receberam, em 2008, quase 1,34 milhões de euros em prémios de gestão. Ao todo, no ano passado, a REN pagou à administração executiva, incluindo gestores de outras firmas participadas pela REN, 1,41 milhões de euros. José Penedos, presidente desta empresa de maioria de capital público, diz que "quem responde pelas remunerações das empresas cotadas [em Bolsa, como é o caso da REN] são as comissões de remuneração e não os gestores". O presidente da REN, que foi reconduzido no cargo em 2007 pelo actual Governo, frisa que a empresa registou "o melhor desempenho, em 2008, no PSI 20", índice de referência da Bolsa.


O relatório de Governo Societário do Grupo REN deixa claro que, no ano passado, os administradores executivos, incluindo gestores de outras sociedades participadas, receberam em remunerações fixas e variáveis um total de 3,27 milhões de euros. Excluindo 434 422 euros de salários fixos e prémios pagos à administração de outras sociedades participadas, a equipa de gestão de cinco pessoas liderada por José Penedos recebeu 2,84 milhões de euros, um aumento de 123 por cento face a 2007.

Só o prémio de gestão destes cinco gestores rondou os 1,34 milhões de euros.

A revanche da loira

Uma "boazona" e um matemático estão sentados lado a lado num vôo de Lisboa para Madrid. O matemático pergunta se ela não quer participar de um joguinho interessante. Ela, muito cansada, diz que só quer dar um cochilo. Agradece educadamente e se vira para a janela na intenção de tirar uma soneca. O matemático insiste e diz que o joguinho é fácil e muito divertido. Ele explica:
- Eu faço uma pergunta e, se você não souber a resposta, paga-me Euros 5,00 e vice-versa.
Novamente ela reclina a cabeça e tenta dormir um pouquinho. Mas, o chato insiste:
- Se você não souber a resposta paga-me Euros 5,00 e se eu não souber a resposta pago Euros 500,00.
Isso chamou a atenção da "boazona", que, pensando que esse tormento não terminaria enquanto ela não participasse da brincadeira, decidiu concordar. O matemático fez a 1ª pergunta:
- Qual a distância exacta entre a terra e a lua?
A "boazona" não disse uma palavra, abriu a bolsa, pegou uma nota de Euros 5,00 e entregou ao matemático.
- Ok.. é a sua vez - disse ele, sorridente.
Ela, então, pergunta:
- O que é que sobe a montanha com três pernas e desce com quatro pernas?
O matemático, desconcertado, pega o seu laptop e pesquisa todas as referências sem obter nenhuma resposta. Pega o telefone do avião (airphone) e conecta em seu modem, procura em todos os bancos de dados e bibliotecas possíveis, sem obter nenhuma resposta. Frustrado, manda e-mail para todos os seus amigos e colegas de trabalho/profissão, sem nenhum sucesso. Após uma hora de pesquisa, ele pega nos Euros 500,00 e entrega. Ela agradece e se vira para o lado para uma soneca.
O matemático, muito mal-humorado, pergunta:
- Muito bem, qual é a resposta?
Sem dizer uma palavra, ela abre a bolsa, entrega mais Euros 5,00 ao matemático e volta a dormir.

Obras Sociais

É tema actual o dos benefícios!
Mas o que dizer dos trabalhadores das Câmaras com Obras Sociais que lhes comparticipam a totalidade na diferença das despesas de saúde sobre os montantes não comparticipados pelo SNS que também lhe oferecem uma declaração para IRS com o valor dessa diferença?

Será que quando as escolas passarem para as autarquias este benefício vai ser extensível a todos os funcionários que transitarem?

Tamiflu

A Verdade sobre a Gripe A (H1N1)

Ajuda informar que os SAG's (Serviço de Atendimento à Gripe) se prepararam com equipas de trabalho em horário extra nos fins de semana e onde os únicos utentes que atendem são os que recebem a mensagem por telemóvel da DGS (Direcção Geral de Saúde) porque ficam confusos o suficiente para se dirigem a esses serviços a perguntar o que fazer com tal mensagem?

É que neste fim de semana apenas um desses utentes se dirigiu ao SAG. E foi o único utente atendido! Claro que sem direito a consulta porque apenas pretendia esse esclarecimento....

Transporte de doentes - um caso real!

O Despacho 4/89 é claro ao imputar as despesas de saúde à entidade geradora das mesmas. Assim as despesas com as deslocações para quimioterapia e radioterapia, entre outras, são da responsabilidade dos hospitais que prescrevem os tratamentos.

Mas, enquanto que para os prestadores (táxis ou ambulâncias) o negócio é tanto mais rentável quanto o número de utentes que conseguem transportar a cada uma dessas deslocações num dos casos, em que o utente efectuou deslocações no valor de € 4.500,00, consegue adivinhar quem visava ele na sua reclamação?

R: o funcionário que detectou as viagens conjuntas cobradas individualmente!

20/09/09

Com_jeitinho_conseguimos









Médicos com estetoscópios e batas no centro comercial

Perigo


o que é que o Mercado Municipal tem em comum com o Centro de Saúde?

Resposta: as peixeiras!

Com a diferença de que as primeiras dignificam a sua profissão e as outras esmiuçam a vida pessoal de qualquer utente.
E como esmiuçam...
ao ponto de lhes ficarmos a conhecer todos os "podres" assim como os dos seus familiares: o que têm e o que não têm; com quem e onde dormem; o que e a quem devem; o que roubam e o que não roubam; onde trabalham e de onde foram despedidos; o que fazem e o que não fizeram; etc, etc, etc....

19/09/09

Estes são do porto, carago!

Para não estarem só a mangar com os alentejanos...

O Tone tinha acabado de comprar o seu Fiat 600 e entusiasmado com o bicho, desafia a Maria a dar uma volta.
-Maria bais ber como isto anda! ... Dá 180, carago!!!
-Ai, amoare!!! ....Que lócura! Se isso anda assim eu juro que me poanho toda nua e te salto em cima!
-Num digas isso, carago, que eu fico doidoooooo!
E o Tone mete a primeira, segunda, terceira ... e já ia a mais de 120! A Maria, doida com aquilo, começa a despir-se ... Tira a roupinha toda e salta para cima do Tone.
-Maria!! Maria!!... Num beijo nada, carago... Assim num consigo beare
O Tone ainda tenta controlar o seu Fiat: faz uns piões... umas derrapagens.. e ... espeta-se contra uma árvore ! Ele fica preso no carro enquanto que a Maria é projectada.
-Maria??? Tás bem-ê, meu amoare?
-Toue!... E tu, Tone?
-Tou bem-ê, mas estou preso, carago! Olha, bai buscare ajuda! Há aquelas boambas ali atrás, tens de lá ire!
-Mas ó amoare, tou toda nua!! E agoara?
-Tens dire, carago!! Rápido. Olha: peaga aí na sapatilha e põe à frente! E a Maria lá vai! Com a sapatilha a tapar a coisa, a correr a buscar ajuda. Chega à bomba e estava lá um senhor a abastecer o carro ...
-Ó sinhoare!!! Tem de me ajudare!
Ele olha para ela... toda nua com uma sapatilha à frente a tapar a coisa
-Tem de me ajudare!!! O meu namorado ficou preaso!!!
-Ó menina, não sei se consigo! O rapaz está muitooo para dentro. Só tem uma sapatilha de fora ...

trabalhadores em situação precária

Portugal tem hoje cerca de dois milhões de trabalhadores em situação precária e é o terceiro país europeu com maior peso nos contratos a prazo. O Estado tem ao seu serviço mais de 117 mil precários/as.

DJ

Experiências traumáticas (!)

efeitos do SIADAP

Rui Teixeira tem carreira estagnada e corre o risco de não poder progredir...

Autoridades perdoam multas e devolvem viaturas do PS...

Portugal tem um novo desempregado a cada quatro minutos

Entre Agosto de 2008 e o mês passado os centros de emprego do IEFP registaram, em média, um novo desempregado a cada quatro minutos, segundo dados revelados esta sexta-feira pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

A 31 de Agosto, o número de desempregados inscritos superou a fasquia do meio milhão, atingindo os 501.663.

o que faz falta

video

Para os maridos das professoras

Recorte do Jornal de Notícias

18/09/09

Trovoada Ponte Vasco Gama (09-09-2009)


Comadres

- Sabe comadre, ontem á noite estive a ver um programa sobre sexo, mas houve algumas expressões que eu não entendi...
- Então diga lá quais foram as suas duvidas, pode ser que eu a possa ajudar.
- Olhe, não sei o que é sexo oral.
- Isso tá-se mesmo a ver o que é : Sexo de hora a hora...
- Então e sexo anal ?
- Isso é sexo de ano a ano.
- E homossexual ?
- Oh comadre !!! Vocemecê não percebe mesmo nada disto. Tá-se mesmo a ver que é detergente para os tomates...

Exemplo de vida

MULHER DE 98 ANOS. NÃO TEM INIMIGOS. UMA HISTÓRIA DE ELEVADO INTERESSE HUMANO!

TODOSOS SERES HUMANOS DEVERIAM VIVER COMO ESTA BOA E ADORÁVEL MULHER!

QUASE AO FINAL DA PRÁTICA DOMINICAL O SACERDOTE PERGUNTOU AOS FIEIS, NA IGREJA: "QUANTOS DE VOCÊS CONSEGUIRAM PERDOAR SEUS INIMIGOS?"
A MAIORIA LEVANTOU A MÃO.
O SACERDOTE VOLTOU A REPETIR A MESMA PERGUNTA E ENTÃO TODOS LEVANTARAM A MÃO, MENOS UMA PEQUENA E FRÁGIL VELHINHA.
"SENHORA MARIAZINHA? A SENHORA NÃO ESTÁ DISPOSTA A PERDOAR A SUAS INIMIGAS?"
"EU NÃO TENHO INIMIGOS!" RESPONDEU ELA, DOCEMENTE.
"SENHORA MARIAZINHA, ISTO É MUITO RARO! QUANTOS ANOS TEM A SENHORA?"
E ELA RESPONDEU: "TENHO 98 ANOS!"
O PÚBLICO PRESENTE NA IGREJA SE LEVANTOU E APLAUDIU A IDOSA, ENTUSIASTICAMENTE.
"SENHORA MARIAZINHA, CONTE PARA TODOS NÓS COMO SE VIVE 98 ANOS E NÃO SE TEM INIMIGOS?"
A DOCE VELHINHA SE DIRIGE AO ALTAR E DIZ EM TOM SOLENE, OLHANDO PARA O PÚBLICO EMOCIONADO:

"PORQUE TODOS OS FILHOS DAS PUTAS JÁ MORRERAM!"

Porquê?

Porque é que as pessoas em Espanha são Espanhóis e na Rússia não são Rissóis?

Porque é que na Suécia as pessoas são Suecos e em Marrocos não são Marrecos?

Porque é que em Marrocos as pessoas são Marroquinos e na Suíça não são Suínos?

Porque é que na Polónia as pessoas são Polacas e na Estónia não são Estacas?

Porque é que se diz Discoteca em vez de Discotoca se o disco toca e não teca ?

Porque é que é Espingarda em vez de Espungarda pois faz pum e não pim?

Porque é que os que andam no mar são Marujos e os do ar não são Araújos?

Porque é que as batatas grelam e os grelos não batatam?

A CRIAÇÃO DO MUNDO

Quando Deus fez o mundo, para que os homens prosperassem, decidiu dar-lhes apenas duas virtudes. Assim, mandou ao seu anjo-secretário que anotasse quais seriam os dons:
- Aos Suíços, os fez estudiosos e respeitadores da lei.
- Aos Ingleses, organizados e pontuais.
- Aos Argentinos, chatos e arrogantes.
- Aos Japoneses, trabalhadores e disciplinados.
- Aos Italianos, alegres e românticos.
- Aos Franceses, cultos e finos.
- Aos Portugueses, inteligentes, honestos e socialistas.
O anjo anotou, mas logo em seguida, cheio de humildade e de medo, indagou:
- Senhor, a todos os povos do mundo foram dadas duas virtudes, porém, aos portugueses foram dadas três! Isto não os fará soberbos em relação aos outros povos da terra?
- Muito bem observado, bom anjo! exclamou o Senhor.
- Isto é verdade!
- Façamos então uma correcção! De agora em diante, os portugueses, povo do meu coração, manterão esses três dons, mas nenhum deles poderá utilizar mais de duas simultaneamente, como os outros povos!
- Assim, o que for socialista e honesto, não pode ser inteligente. O que for socialista e inteligente, não pode ser honesto. E o que for inteligente e honesto, não pode ser socialista.




Palavras do Senhor...

15/09/09

O caso Manuela Moura Guedes

Irmãos albinos

Nasceram sem cor, numa família de pretos.

Explicações da ciência

O professor do Departamento de Genética da Universidade Federal de Pernambuco Valdir Balbino rabisca um cálculo rápido. Os dois são heterozigotos, possuem pares de genes que apresentam um gene diferente do outro. O pai e a mãe têm um gene dominante e outro recessivo. Cada filho herda metade de carga genética do pai e a outra metade da mãe. “Com dois pais heterozigotos, a chance de cada filho ser albino é de 25%.” Há outra conta. A chance de os pais das crianças, entre os quatro primeiros filhos, terem produzidos três deles albinos era de 1,5%. O gene recessivo, que apresenta o defeito, ocasiona um problema na enzima tirosinase, responsável pela síntese de produção de melanina, pigmento responsável pela coloração e proteção de olhos, cabelos e pele. “Pelo caso apresentado, se os pais são negros, os meninos são tão negros quanto eles. Etnicamente e geneticamente. Só não produzem melanina.”

para aceder à reportagem completa clique na imagem


14/09/09

PSD - destruir o Serviço Nacional de Saúde

O programa do PSD tem um objectivo: destruir o Serviço Nacional de Saúde.
o_programa_do_psd

Menos 1561 presos nas cadeias

"REFORMA NÃO TROUXE CREDIBILIDADE": António Martins Presidente Ass. Sindical Juízes

Correio da Manhã – Estes números surpreendem-no?

António Martins – Não. As novas leis penais não resolveram os três grandes problemas do sistema. A reforma não trouxe celeridade, eficácia e credibilidade ao sistema. Comprovou-se que os problemas não só persistiram como se agravaram.

– Também defende uma nova alteração às leis?

– O facto é que em 2007 a reforma que foi feita foi globalmente uma oportunidade perdida. E estes resultados seguem a evolução que começou no dia 15 de Setembro de 2007.

– A alteração à lei das armas e da violência doméstica já terão produzido efeitos no sentido de amenizar falhas?

– Só saberemos quando o Governo divulgar o relatório do Observatório da Justiça. É lamentável que já esteja pronto e ainda o tenham na gaveta.

REACÇÕES

"COMPLICARAM O TRABALHO DAS POLÍCIAS": Paulo Rodrigues Pres. ASPP/PSP

Fica-se com a sensação de que andamos a prender os mesmos criminosos. As leis deviam ser alteradas em função da realidade. Criminosos têm sentimento de impunidade.

"TEMOS A PERCEPÇÃO DE QUE HÁ MAIS CREDIBILIDADE": João Palma Pres. SMMP

Temos a percepção de que há mais criminalidade violenta. Isso tem a ver com o facilitismo introduzido pelas novas leis que visaram a economia em vez de investimento nas prisões e nas políticas de reinserção.

"A REFORMA NÃO PRODUZIU RESULTADOS ESPERADOS": Carlos Anjos Pres. ASFIC/PJ

O que todos esperamos é a alteração à lei porque a reforma não produziu os resultados esperados. Não se pode legislar tendo em conta a economia porque a longo prazo ela não se verifica.

RECLUSOS CUSTAM MEIO MILHÃO POR DIA

As despesas com os reclusos detidos nos estabelecimentos prisionais portugueses custam ao erário público perto de meio milhão de euros diários. Segundo o secretário de Estado Adjunto e da Justiça, Conde Rodrigues, o custo médio de um recluso aproxima-se dos 45 euros por dia.

Tendo em conta que em finais de Agosto a população prisional registada pela Direcção-Geral dos Serviços Prisionais (DGSP) atingia os 11 075 indivíduos – 8784 condenados e 2291 preventivos –, verifica-se que são necessários 498 mil euros diários para fazer face às despesas com os prisioneiros.

Com o decréscimo de 1561 reclusos, resultantes em parte da aplicação das novas leis penais, o Ministério da Justiça conseguiu poupar qualquer coisa como 70 mil euros por dia. Feitas as contas, o alívio da população prisional pode ter permitido uma diminuição na despesa na ordem dos 25 milhões de euros anuais. Esta poupança pode ser ainda maior se for aplicada a medida de regime aberto para preventivos, que passa por estes irem apenas dormir à cadeia.

CRIMINALIDADE NÃO REGREDIU

A criminalidade geral não regrediu no primeiro semestre de 2009. Os dados recolhidos entre Janeiro e Maio, pela PSP e pela GNR, revelam que os crimes que mais contribuíram para a tendência da subida foram os crimes com arma de fogo, o carjacking, os assaltos a residências, os roubos a restaurantes, ourivesarias e a outros estabelecimentos comerciais.

NOTAS

PJ: 140 CRIMINOSOS VIOLENTOS

Até Julho deste ano a PJ, só em Lisboa, apanhou 140 criminosos que praticaram crimes violentos. Apenas metade dos suspeitos ficou em prisão preventiva

BPP sem rasto de 200 milhões de euros

BPP não tem provas de que os empréstimos contraídos no Fortis e Citibank se destinavam aos clientes do retorno absoluto. São 200 milhões que o banco quer colocar como passivo no megafundo dos clientes.

Multas pagas na hora cobradas duas vezes

Oito meses após ter sido multada e pagar 120 euros por falar ao telemóvel enquanto conduzia, uma funcionária da Segurança Social recebeu uma notificação da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR). Dizia o documento que a condutora tinha de pagar a multa e as custas do processo, sob pena de o caso ser encaminhado para o tribunal.

Diário de Noticias, 14 Setembro 2009

12/09/09

Foram emitidos cerca de 60 mil cheques-dentista, mas 30 % estão por utilizar

Cerca de 60 mil cheques-dentista foram entregues a grávidas e idosos, entre 1 de Junho e o dia de ontem, mas cerca de 30 % ainda não foram utilizados, revelou hoje o coordenador do Programa Nacional de Promoção e Saúde Oral.

Os cheques-dentista foram utilizados por 36.800 utentes do Serviço Nacional de Saúde (SNS), dos quais 31 mil grávidas, avançou Rui Calado numa cerimónia na Escola Básica do 2.º e 3.º ciclos Nuno Gonçalves, Lisboa, para assinalar o início da entrega destes cheques a alunos de sete, dez e 13 anos, uma medida que deverá abranger 200 mil crianças e custará 15,2 milhões de euros.

Segundo Rui Calado, foram emitidos 60.239 cheques, tendo sido utilizados 44.574, o que representa uma taxa de utilização de 73,9 por cento.

O Público é (era) de todos!


11/09/09

Toda a gente sabe...

Muita parra e pouca uva...


O Governo assinou um acordo com duas das estruturas sindicais da Função Pública. A medida pode vir a abranger 360 mil funcionários.

Aqui fica o resumo:

- Limita a autorização ao horário de Jornada Continua a um número extremamente diminuto de trabalhadores;
- Considera que o trabalho nocturno a partir das 20:00 horas se deve aplicar de forma uito restrita (apenas a grupos profissionais em actividade no abastecimento de água, serviço de ambulâncias e recolha de lixo);
- Estabelece o regime de adaptabilidade, para o qual o apuramento da duração média do trabalho pode alargar-se até seis meses, o que pode implicar o alargamento da jornada de trabalho e o não pagamento de horas extraordinárias (de acordo com a Lei n.º 59/2009, de 11 de Setembro, a duração semanal pode passar de 35 horas para 50 horas/semanal !!!).

Sabão azul e branco substitui gel desinfectante

A ministra da Saúde voltou ontem a apelar aos pais para não levarem à escola crianças com febre e afirmou que, perante a falta de gel desinfectante em algum estabelecimento, o mais importante é lavar as mãos. "O mais importante é lavar as mãos e isso pode ser feito com água e sabão".
Ana Jorge explicou que o país tem milhares de escolas e que se "em alguma escola mais pequenina" não houver gel desinfectante o importante é lavar as mãos, o que pode ser feito "com sabão azul e branco".
A ministra disse ainda que a vacina da gripe sazonal deve ser tomada pelos grupos de risco, tal como em anos anteriores, mas não protege contra a gripe A (H1N1), pelo que não vale a pena as pessoas acorrerem em massa às farmácias na expectativa de ficarem imunes ao novo vírus.
Centenas de pessoas já reservaram a vacina contra a gripe sazonal, que chegará às farmácias a 15 de Setembro, existindo pedidos feitos há meses e muitas dúvidas sobre as diferenças entre a gripe comum e a causada pelo H1N1.
Este ano está a registar-se um aumento das listas de pedidos de reserva da vacina contra a gripe sazonal.

o custo da gripe nas escolas

Escolas gastam seis milhões contra a gripe.

As medidas de prevenção e o combate ao vírus H1N1 nas escolas portuguesas vão custar ao Ministério da Educação, este ano lectivo, cerca de seis milhões de euros.
Fonte do Gabinete de Gestão Financeira do Ministério disse ao CM que as previsões apontam para um gasto médio de 4 mil euros por cada um dos cerca de 1200 agrupamentos de escolas. Aos 4,8 milhões gastos em kits de prevenção para as salas de aula, gel antibacteriano, desinfectante, pulverizadores, máscaras e luvas, deve somar-se 1,2 milhões em obras de adaptação, acções de formação e trabalho suplementar.
É que, além de as casas de banho das escolas terem de passar a ser limpas pelo menos quatro vezes por dia, em todos os intervalos terão de ser desinfectados os corrimões e os puxadores das portas.

10/09/09


Portugal faz menos 40% de cirurgias do que a UE

A média europeia é de mil operações anuais por milhão de habitantes. Portugal fez 605, por milhão de habitantes, em 2008. E o País ainda tem poucos centros de cirurgia.

Apesar de Portugal ser um dos países europeus com mais mortes por doenças do coração, continua a ter uma das mais baixas taxas de cirurgias cardíacas por milhão de habitantes da União Europeia (UE), revela um estudo realizado pela Antares, uma empresa de consultoria internacional na área da saúde.

A média europeia é de cerca de mil cirurgias cardíacas anuais por milhão de habitantes. E em 2008, de acordo com as estimativas da Antares, a taxa em Portugal foi de 605 operações por milhão, tendo em conta o total de intervenções nos hospitais públicos e privados com protocolo com o Serviço Nacional de Saúde (SNS). O número de cirurgias cardíacas nacionais corresponde assim a apenas 60% da média comunitária.

A Alemanha e países escandinavos, por exemplo, registam 1100 e 1400 operações por milhão de habitantes por ano (ver mapa).

Portugal deixa também a desejar quanto ao número de centros por habitante para a realização destas operações. Há sete, o que é inferior ao recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), revela a análise pedida pelo Hospital da Cruz Vermelha Portuguesa. Isto apesar de o estudo reconhecer que nos últimos anos houve um grande esforço do Ministério da Saúde para melhorar a resposta às necessidades dos utentes (ver texto em baixo).

"Considerando o número de centros actualmente existentes em Portugal, incluindo a unidade protocolada como o Serviço Nacional de Saúde (ou seja, o Hospital da Cruz Vermelha), para atingir as recomendações da OMS de 1,2 milhões de habitantes por centro de cirurgia cardíaca" o País precisa ainda de mais duas unidades.

Já para alcançar a média da Europa "existiria espaço para mais três", refere a análise da Antares.

Em Portugal Continental, os sete centros de cirurgia cardíaca significam uma unidade para 1,4 milhões de habitantes. As regiões do norte e centro são aquelas onde a carência é maior: existe um centro para mais de 1,8 milhões de utentes.

Já a região de Lisboa e Vale do Tejo é aquela que mais se aproxima das recomendações da OMS. Com quatro centros, três deles públicos e um privado (HCVP), e uma população de 4,4 milhões de habitantes, a região tem uma unidade para cada 1,1 milhões de utentes.

Apesar da esperança média de vida em Portugal se situar ao nível dos principais países europeus, o País apresenta rácios de centros de cirurgia cardíaca inferiores à média da Europa, conclui assim o documento. E com o envelhecimento acentuado da população as necessidades destas operações vão aumentar, alerta.

A manterem-se as taxas de utilização actuais e a proporção entre as necessidades deste tipo de operações e o número de habitantes com mais de 50 anos, em 2030 o problema vai agravar-se.

As necessidades de operações cardiovasculares vão aumentar cerca de 23%, apenas pelo efeito do envelhecimento da população portuguesa, diz o estudo. Um crescimento que só poderá ser atenuado pelo desenvolvimento de tecnologias e uma maior actuação no campo da prevenção e diagnóstico das doenças cardiovasculares, refere o estudo da Antares.

As doenças cardíacas são a principal causa de morte em Portugal, sendo responsáveis por 40% dos óbitos.

Propostas do PS e do PSD não respondem às necessidades do País

Portugal não cresce porque não exporta. Não exporta porque não é competitivo a atrair investimento. E não é competitivo porque... não se sabe porquê.
A culpa é dos governos que não se preocuparam em estudar o assunto.

Henrique Medina Carreira

"Pode ser uma guerrilha, pode ser um poema."

O che do bloco Há dez anos, Armand Muñoz, francês, estava em Angola em ajuda humanitária. Desde 2005 que trabalha na sede do Bloco de Esquerda. "Não consegui fazer muita coisa a trabalhar na ajuda humanitária e senti a necessidade de uma militância mais política, para mudar as coisas, o mundo", diz Armand, o olhar distante. Depois de Angola veio para Portugal e trabalhou com Miguel Portas no Fórum Social Português. Na altura estava desempregado e surgiu a oportunidade de trabalhar no Bloco. Atrás da secretária, um quadro vermelho com Che Guevara e uma frase: "Pode ser uma guerrilha, pode ser um poema." "Agora que estás aí por baixo é que vejo que és mesmo parecido com o Che", diz Jorge Costa.

A sede nacional do Bloco de Esquerda é o centro de operações da campanha em ambiente descontraído

O homem mais sexy


Um microfone captou uma conversa polémica entre o primeiro-ministro José Sócrates e o líder do Bloco de Esquerda, Francisco Louçã, antes do início do debate transmitido pela RTP1 nesta terça-feira.
Audível pela régie da SIC e da TVI, percebe-se que Sócrates diz a Louçã que estranhou não o ver na vigília de apoio a Manuela Moura Guedes, após a suspensão do ‘Jornal Nacional de Sexta’.
'Você é fã? Mas eu não o vi naquela vigília: 'Queremos Manuela de volta!' Isto ouve-se?', é a mensagem principal que se escuta.
Os dois líderes partidários também trocaram impressões sobre o estatuto de português mais sexy acima dos 40 anos, conquistado por José Sócrates na votação dos leitores do CM. O primeiro-ministro aludiu ao facto de ser considerado o sexto homem mais sexy do Mundo, referindo que a votação deve ter ocorrido no Largo do Rato. 'Nem no Largo do Rato', gracejou Louçã.

09/09/09

Tour Eiffel 3D

clique na imagem

Voe TAP

Num voo internacional, como é habitual, o comandante do avião liga o Microfone e fala aos passageiros:
- "Bom dia, senhores passageiros, neste exacto momento estamos a 9 mil Metros de altitude, velocidade cruzeiro de 860 Km/hora e estamos a sobrevoar a cidade de... AAAAAAAHHHH............... VALHA-ME DEUS...!!!"
Os passageiros ouvem um barulho infernal, seguido de um grito pavoroso:
- "NÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOO!!!"
Depois de um silêncio sepulcral, volta a ligar o microfone e, timidamente, diz:
- "Peço imensa desculpa, mas esbarrei na bandeja e uma chávena de café caiu-me no colo. Imaginem lá como é que ficaram as minhas calças à frente!!!"
Prontamente, um dos passageiros gritou:
- "F... da p... imagina lá como é que ficaram as minhas calças atrás!!!"

Lenços na escola


Serviço de Atendimento à Gripe

Existe quem tenha prazer em ser "totó".
Hoje, no Serviço de Atendimento à Gripe (SAG) uma utente apresenta-se com o cartão do filho, de 22 anos, para consulta. Não o vendo, questionei se ele estava presente e a resposta que obti foi... afirmativa.
Mas no momento da consulta a mãe apresenta-se sozinha porque queria saber se o filho (que tinha ficado em casa) estava com Gripe A.

03/09/09

Provedor recebe 30 mil queixas

As mudanças introduzidas pelo Governo na Administração Pública levaram milhares de funcionários a apresentar queixa contra o Governo na Provedoria de Justiça. Só por causa da natureza do vínculo, a Provedoria de Justiça recebeu 14 mil queixas. Um número elevado mas que os professores conseguem bater: quase vinte mil queixas de docentes contra a avaliação de desempenho.
Correio da Manhã, 3 Setembro 2009
queixa_ao_provedor

02/09/09

Médicos a menos, taxas a mais

As parcerias público-privadas (PPP), em que os grupos empresariais gerem os hospitais públicos, são uma das ameaças que põem em risco o acesso aos cuidados de saúde e o Serviço Nacional de Saúde.
O fecho de maternidades e de Urgências nos hospitais e centros de saúde, a introdução das taxas moderadoras para internamentos e cirurgias, a falta de médico de família para milhares de portugueses, listas de espera prolongadas para cirurgias e primeiras consultas, a entrada dos privados na gestão dos hospitais e a derrapagem da despesa na área do medicamento – são vastas as críticas às reformas na Saúde nos últimos quatro anos. Mas, apesar das críticas de profissionais e utentes, e de os números comprovarem que os hospitais públicos com gestão empresarial aumentaram o prejuízo, o Governo continua a garantir que os serviços públicos "são melhores do que os privados", como disse ontem a ministra Ana Jorge.

"Celebration"

Medina Carreira vs Mário Crespo na SIC (1/3)

Medina Carreira vs Mário Crespo na SIC (2/3)

Medina Carreira vs Mário Crespo na SIC (3/3)

contratação de auxiliares de acção educativa através de uma empresa de trabalho temporário

“É inaceitável”

Em causa está a contratação de auxiliares de acção educativa, através de uma empresa de trabalho temporário.
Câmara diz que foi “a solução legal” para não mandar as pessoas para a rua. “Situação de semi-escravatura verdadeiramente escandalosa” é como a CDU classifica a alegada contratação que a Câmara de Matosinhos está a fazer, por intermédio de uma empresa de trabalho temporário, de auxiliares de acção educativa para as escolas do concelho sob a alçada da autarquia.
“É inaceitável. Mostra bem o cinismo político da gestão do PS em Matosinhos”, considera Honório Novo.
Em conferência de imprensa, na passada segunda-feira, o candidato da CDU à presidência da Câmara Municipal revelou que a empresa em causa- a Select- é “a mesma que presta serviço à JP Sá Couto para a contratação de trabalhadores temporários para a linha de montagem do computador Magalhães”.
Honório Novo mostrou aos jornalistas uma cópia de um contrato de trabalho a termo incerto, estabelecido entre os trabalhadores e a Select, para desempenharem funções nas “escolas pertencentes ao Município de Matosinhos, ou em qualquer outro local indicado, desde que situado no mesmo concelho”, ao “ritmo de duas horas diárias e contra o pagamento de 2,85 euros por hora”. “Uma remuneração horária que- diga-se ainda- fica abaixo do valor da remuneração horária (2,96 euros) correspondente ao ordenado mínimo nacional (450 euros), o qual é o ordenado dos assistentes operacionais (designação actual dos auxiliares de acção educativa) na sua entrada para a profissão”, sublinha.

alunos metidos em contentores

Uma em cada cinco escolas secundárias vai abrir o ano lectivo em obras. Num total de 450 escolas, 92 ainda estão com cenário de estaleiro e 45 mil alunos vão começar o ano em 1800 contentores.

- Mais 1250 milhões de euros correspondentes às cerca de 100 escolas da 3ª fase vão ser lançados a concurso até ao final do ano;

- Na fase 2 do programa estão envolvidas 59 empresas de construção;

- O Banco Europeu de Investimento assegura 40% do financiamento. Do PIDDAC vêm 15% e do QREN 14%;

- Cerca de 980 mil metros quadrados são a área de construção nova nas 75 escolas da fase 2;

- A requalificação corresponde a 60% da área ocupada das escolas.