30/04/11

Eu escolho comprar onde existe respeito pelos trabalhadores

o "blá blá blá" do Pingo Doce ou a "facada" nos direitos do trabalhadores

O Pingo Doce, que vai abrir este 1.º de Maio, justifica a decisão com «o direito ao trabalho», adiantando que os trabalhadores que se apresentarem ao serviço neste feriado vão receber uma remuneração de «mais de 200 por cento». Ler mais...

E demonstrando respeito pelos trabalhadores Jumbo, Lidl, Dia/Mini Preço, Ikea e El Corte Inglés são algumas das lojas que vão estar fechadas...   

O problema mais grave

Uma politica absurda e irracional está a destruir o país e não resolverá o problema mais grave que é a incomportável e crescente dívida externa. Ler mais...

Eugénio Rosa
Economista

No No No No

AUREA - TV Special - 2. No No No No
(I don't want to fall in love with you baby)

João Pereira Coutinho

João Pereira Coutinho, o presidente do Conselho de Administração da SAG, recebeu 494 mil euros de salário em 2010.

No total foram pagos 2,3 milhões aos administradores da empresa. Ler mais...

Tragédia nacional

«O fartar de vilanagem de Sócrates foi uma tragédia nacional», acusa o ex-ministro de Cavaco Silva que considera que «as gerações mais jovens deviam por este Governo em tribunal». Ler mais...


29/04/11

Temporal em Lisboa e Amadora - 29 Abril 2011


Uma violenta trovoada e um temporal de chuva e granizo caiu pelas as 15h30 parte da cidade de Lisboa, especialmente na zona de Benfica, provocando a interrupção do trânsito em alguns locais, nomeadamente na segunda circular. Ler mais...

Ideias peregrinas

28/04/11

Diogo Leite Campos e a miséria

Esta é a miséria vista por quem não usa serviços públicos e não tem noção que 2/3 do país ganha menos de 600€


Não duram muito tempo se o povo ficar desesperado

27/04/11

Políticos e gestores públicos devem prestar contas

Políticos e gestores públicos devem “prestar contas”

O Governador do Banco de Portugal defende que os decisores políticos e os gestores públicos devem ser responsabilizados pelo incumprimento de compromissos orçamentais.

“É crucial que os decisores de política e os gestores públicos prestem contas e sejam responsabilizados pela utilização que fazem dos recursos postos à sua disposição pelos contribuintes”


Carlos Costa diz que nos últimos 12 anos os Estados e os Governos à frente dos destinos do país não foram prudentes. Ler mais...

Já foi formalizado o pedido de ajuda de Portugal...‏

recebida por e-mail

As verdadeiras negociações da troika

Nesta comunicação à imprensa, o MayDay Lx fala do resultado de uma reunião com uma troika que não existe, uma troika justa e solidária.

O FMI e a troika não se encontram em Portugal para negociar com quem quer que seja, e menos ainda com as pessoas que mais sofrem com as medidas de austeridade selectiva que pretendem impôr e acentuar.

O MayDay Lx recusa esta falsa "inevitabilidade" e apela a todas as pessoas que querem uma vida com direitos e esperança a estarem presentes no 1º de Maio na manifestação dos trabalhadores precários, às 13h no Largo de Camões, juntando-se de seguida à manifestação da CGTP.

Distribuição de pensões em Portugal

Cerca de três quartos dos 2,5 milhões de reformados por velhice e invalidez em Portugal, incluindo os da função pública, recebem uma pensão de valor até um salário mínimo nacional, estima a Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses (CGTP).

O outro quarto reparte-se entre aqueles que têm pensões entre um e dois salários mínimos e os que recebem mais do que dois salários mínimos. Os dados compilados revelam, segundo o estudo, uma distribuição de pensões "profundamente desequilibrada".

No sector privado, o grupo de pensionistas com pensões abaixo de um salário mínimo nacional (SMN, 426 euros em 2008) abrange 1,9 milhões de pessoas, num total de 2,1 milhões de pensionistas por velhice e invalidez. Destes, um quinto são pessoas que pouco descontaram ao longo da sua vida activa - agricultores e outros regimes fracamente contributivos. Mas três quartos, ou seja, cerca de 1,4 milhões de pessoas, vêm do regime geral da Segurança Social. Efectuaram os devidos descontos sociais, mas recebiam salários tão baixos que se traduziram em pensões baixas. A este grupo juntam-se ainda 94 mil ex-funcionários públicos.

No segundo grupo de reformados - com pensões entre um e dois SMN - encontram-se 200 mil reformados do sector privado e 80 mil ex-funcionários públicos.

Finalmente, vem o terceiro grupo com pensões mais elevadas (acima de 2 SMN). São mais de 300 mil portugueses, dois terços dos quais vindos da Função Pública, a que se juntam entre 100 mil e 120 mil pessoas do sector privado. Este total não inclui os bancários que têm - ainda - um esquema de protecção social à parte. Em Dezembro de 2007, as pensões acima de 750 euros abrangiam 239 mil ex-funcionários públicos, ou seja, cerca de 60 por cento do total de pensionistas da função pública. Desses, 80 mil recebiam pensões acima dos dois mil euros mensais. Ler mais...

25/04/11

Eu fui à rua em Março

É melhor ouvir o que as pessoas têm para dizer, especialmente se forem muitas e estiverem a dizer o mesmo!

A Revolução de 25 de Abril de 1974

O verdadeiro risco das câmaras absorverem os serviços públicos

120 professores do concelho de Portimão estão desesperados por não terem ainda recebido o ordenado relativo ao mês de Março, por falta de pagamento da autarquia local.


O autarca portimonense, Manuel da Luz, e a vereadora do pelouro da Educação, Isabel Guerreiro, esclareceram que o atraso no pagamento do salário dos docentes de actividades extra-curriculares – num valor total que rondará os 90 mil euros – se deve "a dificuldades de tesouraria por parte do município". E garantiram que o pagamento à empresa prestadora de serviços a que estão ligados os docentes será feito "logo após os feriados, ou seja, dia 26". Ler mais...


PS: e o vencimento do presidente da câmara foi pago?

24/04/11

Reconhecimento à loucura

Já alguém sentiu a loucura
vestir de repente o nosso corpo?
Já.
E tomar a forma dos objectos?
Sim.
E acender relâmpagos no pensamento?
Também.
E às vezes parecer ser o fim?
Exactamente.
Como o cavalo do soneto de Ângelo de Lima?
Tal e qual.
E depois mostrar-nos o que há-de vir
muito melhor do que está?
E dar-nos a cheirar uma cor
que nos faz seguir viagem
sem paragem
nem resignação?
E sentirmo-nos empurrados pelos rins
na aula de descer abismos
e fazer dos abismos descidas de recreio
e covas de encher novidade?
E de uns fazer gigantes
e de outros alienados?
E fazer frente ao impossível
atrevidamente
e ganhar-Ihe, e ganhar-Ihe
a ponto do impossível ficar possível?
E quando tudo parece perfeito
poder-se ir ainda mais além?
E isto de desencantar vidas
aos que julgam que a vida é só uma?
E isto de haver sempre ainda mais uma maneira pra tudo?

Tu Só, loucura, és capaz de transformar
o mundo tantas vezes quantas sejam as necessárias para olhos individuais
Só tu és capaz de fazer que tenham razão
tantas razões que hão-de viver juntas.
Tudo, excepto tu, é rotina peganhenta.
Só tu tens asas para dar
a quem tas vier buscar

José de Almada Negreiros


Os lucros do FMI

Os ganhos com os maiores empréstimos na história do Fundo, de 30 mil milhões de euros à Grécia e de 22 mil e 500 milhões à Irlanda, foram decisivos para a subida dos lucros e "fizeram aumentar as previsões de resultados de crédito em cerca de 102 milhões de SDR (163,2 milhões de dólares), incluindo 74 milhões de SDR em taxas de serviço e 28 milhões nas margens da taxa de juro cobrada", lê-se no relatório do FMI.

A Grécia paga ao FMI juros de 3,3 por cento e a Irlanda entre 3 e 4 por cento, consoante o prazo dos empréstimos.

Para o ano que corre, o FMI prevê gastar menos 34 milhões de SDR que o previsto, sobretudo com poupanças em despesas de pessoal. Ler mais...

Sopro do coração

Clã - Sopro do coração

Diogo Leite Campos

Enquanto as Reformas na Suíça têm um tecto máximo de 1.700 euros, em Portugal, apresentamos destes exemplos :

Salário Mínimo Nacional! Perguntas sem resposta


Portugal é o país onde se trabalha mais horas por dia  na Zona Euro mas, em 2010, tinha o salário mínimo nacional mais baixo:

Bélgica €1189,29
Irlanda €1253,02
Grécia €739,56
Espanha €633,30
França €1151,80
Luxemburgo €1442,37
Holanda €1206,51
Portugal €475,00
Eslovénia €512,08
Reino Unido €922,68

O salário mínimo sofreu durante muito tempo nos aumentos anuais, ou uma muito fraca progressão real, ou uma real desvalorização, contribuindo assim para a manutenção dos salários em geral a um nível substancialmente baixo e sendo um efectivo contributo para o aumento da pobreza. É justo lembrar que na Legislatura anterior o Governo e o Primeiro-ministro se referiram às propostas de aumento do valor do salário mínimo nacional como sendo irresponsáveis, recusando a sua concretização. A luta dos trabalhadores acabou por impor outro caminho e concretizou-se no acordo, não cumprido, que previa o aumento do salário mínimo nacional até 500 euros em Janeiro de 2011.

Bendita da crise para uns! Ou a maldita crise para outros...

Lembram-se da entrevista de Fátima Campos Ferreira realizada este mês a Alexandre Soares dos Santos? Sim! O mesmo que no dia 16 defendia, emocionado, os direitos dos trabalhadores do seu grupo...

O facto de ter pedido sacrificios aos trabalhadores foi utilizado, por alguns dos responsáveis de loja, para forçar os seus trabalhadores a trabalhar no 1º de Maio, apesar deste direito estar consagrado e de, tradicionalmente, os comerciantes não trabalharem nesse dia.

O Sindicato dos Trabalhadores do Comércio alertou que há pressões sobre funcionários do Continente e do Pingo Doce para que trabalhem no feriado do 1º de Maio, mesmo depois de ter entregue um pré-aviso de greve para esse dia:

«As chefias estão a chamar os trabalhadores individualmente, fazendo-lhes ver que têm de trabalhar porque senão são objecto de processos disciplinares e de castigo», afirmou Jorge Pinto, em declarações à TSF, esclarecendo que a pressão se sente sobretudo nos grupos Sonae e Jerónimo Martins. 

A Troika e o INE


As "negociações" com Troika obrigaram o Instituto Nacional de Estatísticas (INE) a rever as contas nacionais e três dos contratos que estavam mal contabilizados subiram o défice, de 2010, para 9,1%.
O que aconteceu aos sorrisos dos 7,3% em Janeiro?

23/04/11

Vídeo da música "Espectáculo" do álbum "Afinidades"

Manuela Azevedo e Sergio Godinho

Base de Dados de Portugal

A Pordata é um serviço público, um projecto destinado a todos, pensado para um vasto número de utentes que comungam do interesse em conhecer, com confiança e rigor, mais sobre Portugal
clique na imagem para aceder

A elite do PS

A elite socialista que se apoderou das administrações das empresas públicas e dos altos cargos da administração pública espatifou Portugal com as parcerias público-privadas e tem medo que o PS perca as eleições. Estamos a falar de milhares de pessoas de pouca valia intelectual que levam para casa todos os meses muitos milhares de euros. E que, tal como os aposentados das reformas elevadíssimas, andam apavoradas com a possibilidade de o PS ser corrido do poder . 

E é por isso que o responsável por ter espatifado o país não pode simplesmente deixar o poder, pedir desculpa aos portugueses pelo fracasso e desaparecer para sempre da nossa frente. A elite socialista que se apoderou das empresas públicas deficitárias e dos altos cargos da administração pública depende dele para sobreviver. ProfBlog

Os 9,1 por cento do PIB

O INE anunciou uma revisão da notificação relativa ao Procedimento dos Défices Excessivos enviada a Bruxelas no final de Março. Agora, o défice de 2010, que já fora revisto em alta para 8,6 por cento do PIB, passa a ser de 9,1 por cento, por causa de três contratos de Parcerias Público Privadas (PPP).

A revisão “determinou um aumento da necessidade de financiamento e da dívida das Administrações Públicas, respectivamente, em 0,5 e 0,6 pontos percentuais do PIB em relação aos valores apurados para 2010 na notificação inicial”.

Assim, as necessidades líquidas de financiamento da Administração Central passam a ser de 16.175,7 milhões de euros em 2010 (em vez dos 15.304,7 milhões de euros anunciados a 31 de Março), com um agravamento de 871 milhões de euros (a formação bruta de capital fixo – investimento -- sobe para 5.652,8 milhões de euros, contra 4781,8 milhões de euros) e a dívida bruta consolidada é elevada para 160.470,1 milhões de euros (contra 159.469,1 milhões de euros), mais 1001 milhões.

Olhando para o défice, este sobe então para 9,1 por cento do PIB, em vez dos actuais 8,6 por cento (já revistos em alta em Março devido à inclusão de três empresas de transportes públicos e dos impactos do BPN e do BPP), e a dívida para 93 por cento do PIB (era 92,4 por cento). Ler mais...

Parcerias Público-privadas na Saúde e na Educação?

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho defendeu que deve haver o que apelidou de «parceria» entra a oferta pública e a oferta privada nos setores da educação, saúde e ação social. Ler mais...

Beijinhos de chocolate

A verdadeira magia está dentro de nós. Em nossos corações...
Que nesta Páscoa você se lembre disso.
Feliz Páscoa!

TV na Cama

Uma noite, depois de alguns anos de casados, o casal está na cama quando a mulher sente que o seu marido começa a acariciá-la como não fazia há muito tempo.

Ele começou no pescoço, desceu pelo dorso até às nádegas; voltou ao pescoço, aos ombros, aos seios e parou na barriga; colocou a mão na parte interna do braço esquerdo, passou no seio, na nádega, na perna esquerda até o pé, subiu na parte interna da coxa e parou bem em cima da perna. Fez a mesma coisa na parte direita e, de repente, sem dizer uma única palavra, vira-se de costas. A esposa, diz-lhe carinhosamente:
- Querido, estava maravilhoso, porque paraste?

Ele, resmungando: - Já encontrei o comando!

22/04/11

Sérgio Ramos deixou cair Taça do Rei

e a taça foi atropelada!

Licor Beirão: Futre apresenta Governo sem tachos


“Acabaram-se os tachos”, garante Futre. O ex-jogador apresenta um novo governo, com 19 elementos, mais um para trabalhar. Um Governo para cada português. Não é mais um momento delirante da aposta de Dias Ferreira, na corrida às eleições do Sporting. É apenas uma campanha publicitária do Licor Beirão.

Acabar com o desemprego. Cunhas para todos. Um diploma de engenheiro para cada cidadão. O fim dos tachos. A garantia de que, perante o precipício, o País não dará um passo em frente. Eis algumas promessas de Futre, que já não é candidato a nada, mas que decidiu dar a cara por uma campanha do Licor Beirão

O BANQUEIRO

Certa tarde, um famoso banqueiro ia para casa, em sua enorme limousine, quando viu dois homens à beira da estrada comendo relva. Ordenou ao seu motorista que parasse e, saindo, perguntou a um deles:

- Por que vocês estão a comer a relva?
- Não temos dinheiro para comida.. - disse o pobre homem - Por isso temos que comer relva.
- Bem, então venham à minha casa e eu lhes darei de comer - disse o banqueiro.
- Obrigado, mas tenho mulher e dois filhos comigo. Estão ali, debaixo daquela árvore.
- Que venham também - disse novamente o banqueiro. E, voltando-se para o outro homem, disse-lhe:
- Você também pode vir.

O homem, com uma voz muito sumida disse:
- Mas, senhor, eu também tenho esposa e seis filhos comigo!
- Pois que venham também. - respondeu o banqueiro.

E entraram todos no enorme e luxuoso carro.
Uma vez a caminho, um dos homens olhou timidamente o banqueiro e disse:
- O senhor é muito bom. Obrigado por nos levar a todos!
O banqueiro respondeu:
- Meu caro, não tenha vergonha, fico muito feliz por fazê-lo! Vocês vão ficar encantados com a minha casa... A relva está com mais de 20 centímetros de altura!


Moral da história:
Quando você achar que um banqueiro (ou banco) o está a ajudar, não se iluda, pense mais um pouco...

Out of Context - for Pina : les ballets C de la B / Alain Platel

As orgias do Telmo a caminho do Parlamento?

Telmo Ferreira ficou conhecido depois de concorrer ao «Big Brother» em 2000 e consta no 14.º lugar da lista do PS, encabeçada pelo independente Basílio Horta. Vamos recordar uma das suas frases:

«O que apetece no grupo é... sexo em grupo... muitas orgias... muitas orgias». Ler mais...

Estacionamento tuga

se eu publicasse a matrícula a polícia multava a condutora?

20/04/11

Mais um desempregado do PS

O dirigente socialista Vieira da Silva, que coordenou o processo de elaboração de listas de candidatos a deputados pelo PS, afirmou hoje que o ministro das Finanças não foi convidado para integrar as listas dos socialistas.
clique na imagem
Teixeira dos Santos foi “número dois” pelo Porto nas últimas eleições 

Diário dos patrões


clique na imagem para aceder (demorado!)

Quando uns presidentes dizem sim e outros dizem não

Há câmaras que não dão tolerância de ponto


"É o caso de Penela, em Coimbra, por entender que, na actual situação do País, "o melhor exemplo que pode dar é trabalhar".    
     
Tendo em conta "o estado de quase colapso financeiro em que o País se encontra, com o FMI a analisar todas as contas, a autarquia entende que o melhor exemplo que pode dar é trabalhar e, assim, contribuir activamente para melhorar a produtividade", é referido numa nota da Câmara."   Ler mais...

Não há dinheiro para os militares!

Duarte Lima deve 3,5 milhões ao BPN

Domingos Duarte Lima deve ao BPN 700 mil contos (cerca de três milhões e meio de euros), relativos a um empréstimo que contraiu junto do banco a 5 de Abril de 2001. A quantia faz parte do 'buraco' da instituição financeira, sendo que, dois anos após a sua nacionalização, a administração ainda não accionou a dívida. Ler mais...

A Tolerância de Ponto na tarde do dia 21 de Abril de 2011

clique na imagem para aceder ao DRE

19/04/11

Como eles gastam o nosso dinheiro

Diário da República nº 28 - I série- datado de 10 de Fevereiro de 2010 - RESOLUÇÃO da Assembleia da República nº 11/2010. Poderão aceder através do site http://www.dre.pt/. Algumas rubricas do orçamento da Assembleia da Republica (em euros)

1 - Vencimento de Deputados ......................................12 milhões 349 mil
2 - Ajudas de Custo de Deputados.................................2 milhões 724 mil
3 - Transportes de Deputados .......................................3 milhões 869 mil
4 - Deslocações e Estadas ............................................2 milhões 363 mil
5 - Assistência Técnica (??) ...........................................2 milhões 948 mil
6 - Outros Trabalhos Especializados (??) ......................3 milhões 593 mil
7 - RESTAURANTE,REFEITÓRIO,CAFETARIA...............................961 mil
8 - Subvenções aos Grupos Parlamentares...................................970 mil
9 - Equipamento de Informática .....................................2 milhões 110 mil
10- Outros Investimentos (??) .......................................2 milhões 420 mil
11- Edificios ...................................................................2 milhões 686 mil
12- Transfer's (??) Diversos (??).................................13 milhões 506 mil
13- SUBVENÇÃO aos PARTIDOS na A. R. ..................16 milhões 977 mil
14- SUBVENÇÕES CAMPANHAS ELEIT.......................73 milhões 798 mil


NO TOTAL a DESPESA ORÇAMENTADA para o ANO de 2010, é:

191.405.356,61
(191 milhões 405 mil 356 euros e 61 cêntimos)

Ver Folha 372 do acima identificado Diário da República nº 28 - 1ª Série -, de 10 de Fevereiro de 2010.

Portugal. Hoje!

Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, aguentando pauladas, sacos de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz de sacudir as moscas...'

Guerra Junqueiro, in "Pátria", escrito em 1896

O buraco nos números do desemprego e... o ministro!

Contrariando a alegria do Ministro da Economia constata-se que ao longo dos anos, tem vindo a aumentar a diferença entre os números de desempregados inscritos nos Centros de Emprego e as estatísticas oficiais do desemprego, estimadas pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Os números divulgados poderão ampliar esse hiato. Vendo as diferenças, pegamos no exemplo do ministro para mostrar que qualquer pessoa utiliza a informação que lhe é mais conveniente:

18/04/11

O país tá doido!

FMI - pedido de permissão

clique na imagem

Obs: se fosse verdadeira, com os malabarismos que esses senhores fazem nas contas, a aplicação crachava só de fazer as contas....

TGV já custou 300 milhões sem um quilómetro de linha

TGV português já custou 300 milhões mesmo sem um quilómetro de linha. A soma inclui os estudos e projectos desenvolvidos pela RAVE e os montantes aplicados e reclamados pelos concorrentes à linha Lisboa/Madrid

clique na imagem para acer à notícia

ML, CP e REFER: injecção de 1.225 milhões de euros

Governo aprovou a despesa de 114.000 milhões (este ano) para ML, CP e REFER, no total de 1.225 milhões de euros (até 2019) conforme publicação de hoje em Diário da República:
A Resolução do Conselho de Ministros autoriza a realização de despesa resultante da celebração de contratos que estabelecem o regime transitório de financiamento da prestação de serviço público pelas três empresas de transportes, que será processada por recursos a verbas do Orçamento do Estado. O documento fixa o valor da despesa do Governo com as três empresas entre 2011 e 2019, aos quais acresce IVA à taxa legal em vigor.

Crime fiscal com reembolso de quatro milhões de euros


A investigação começa na venda da Carrefour Imobiliária à ESAF, gestora de fundos de investimento imobiliários do Banco Espírito Santo, de um hipermercado em Loures. A operação realizou-se em Dezembro de 2002, pelo valor de 21,2 milhões de euros. Contudo, no início de 2003, os contabilistas do grupo Carrefour detectaram um erro que acarretaria graves prejuízos: a empresa não tinha renunciado à isenção de cobrança de IVA na transmissão do imóvel. Facto que impedia o retalhista francês de conseguir o reembolso, solicitado em Setembro do mesmo ano, de quatro milhões de euros de IVA pago durante a construção do hipermercado. O consultor fiscal do Carrefour, foi contactado pelo contabilista do Carrefour, para resolver o problema. O consultor, que foi funcionário do Fisco nos anos 80, sugeriu então que fosse elaborado um documento de renúncia dirigido ao serviço de Finanças Lisboa 11, mas com a data anterior à escritura da venda do imóvel.

A 17 de Janeiro de 2003, o consultor fiscal contactou com uma das chefes da secção daquela repartição de Finanças, tendo esta funcionária aceitado receber o documento falsificado e influenciar o responsável pelo IVA na mesma repartição, de forma a emitir a certidão desejada pelo Carrefour, com a data de 18 de Dezembro de 2002. Contudo, para a operação de falsificação ser eficaz, era necessário adulterar o livro de registo de entrada de documentos da repartição Lisboa 11. Esta operação foi feita por um terceiro funcionário, que rasurou e alterou um número de processo, de forma a que a entrada n.º 28496 de 16 de Dezembro de 2002 correspondesse ao requerimento do Carrefour.

A certidão de renúncia à isenção do IVA acabou por ser emitida no dia 21 de Janeiro de 2003 (mas com a data de 18 de Dezembro de 2002) e foi entregue em mão pela directora de serviços das execuções fiscais daquela repartição ao consultor do Carrefour. Em troca, este entregou-lhe, segundo a acusação, 4.000 euros em notas. A funcionária depositou no mesmo dia metade desse valor na sua conta bancária, tendo entregue em Fevereiro a quantia de 1.050 euros à funcionária que emitira a certidão. Ficou por apurar o rasto de 950 euros, mas o certo é que a investigação da Polícia Judiciária não conseguiu descobrir nenhum depósito suspeito nas contas do terceiro funcionário das Finanças.

O gestor mais bem pago em 2010


Zeinal Bava lidera a lista dos gestores mais bem pagos em 2010, substituindo António Mexia. A crise não impediu que na Jerónimo Martins, na Sonae e no BES as remunerações aumentassem, quando na generalidade das cotadas a tendência foi de corte nos salários. O corte que mais salta à vista entre os seis gestores mais bem pagos é o de António Mexia, CEO da EDP, que recebeu menos dois milhões de euros do que em 2009. Ainda na EDP, a CEO da Renováveis saiu da lista dos que ganham mais de um milhão de euros. No ano passado, Ana Maria Fernandes recebeu cerca de 824 mil euros, menos 1,6 milhões de euros face aos 2,4 milhões de euros que recebeu em 2009. Tanto António Mexia como Ana Maria Fernandes viram a sua remuneração cair porque, em 2009, receberam compensações variáveis correspondentes a quatro anos, o que não se verificou em 2010.

Mais uma idéia louca da Indústria Farmacêutica

Não conta que a população já contribui para o Estado de acordo com o que ganha e que não são precisos mais esquemas manhosos adicionais?

Fechado!

Entre falências e abandono da actividade, encerram cem empresas por dia em Portugal. Mas se em 2009, ano em que a crise económica começou a agravar-se, fecharam 36.250 empresas, segundo um estudo do Instituto Nacional de Estatística (INE), em 2011 será pior.


A meter a mão no pote

O pote

Alguém está à espera de meter a mão nos 8 milhões que “em média vai receber cada um dos 10.000 de portugueses”. Esta é uma operação para salvar o crony capitalism lisboeta da falência, 82% da dívida privada concentra-se no distrito de Lisboa.

Urgências em risco

Médicos ultrapassam limite de 200 horas extraordinárias cada vez mais cedo. No fim-de-semana da Páscoa pode já não haver pessoal para assegurar os serviços na maior maternidade do País.

 A falta de médicos na Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, pode levar a uma situação de ruptura já durante este mês. Na última reunião geral de médicos, a semana passada, verificou-se que no fim-de-semana da Páscoa alguns médicos irão ultrapassar o limite de 200 horas extraordinárias por ano. Três profissionais manifestaram que já não tencionam continuar a entrar nas escalas, ultrapassadas as horas extra a que estão obrigados por contrato, o que poderá comprometer o funcionamento dos serviços. Ler mais...


Menos funcionários. Mais privatização dos serviços públicos!

Regras do Orçamento de Estado de 2010 motivaram a antecipação dos pedidos de mais de 17 mil funcionários.

Durante o ano passado, a Caixa Geral de Aposentações (CGA) recebeu 41.353 pedidos de aposentação - mais 67% do que em 2009 -, dos quais quase metade se referiam a reformas antecipadas, com um aumento da taxa de penalização de 13,8 para 14%.

Dos mais de 17 mil novos pedidos de reforma antecipada que a CGA recebeu em 2010, 9150 tornaram-se efectivos durante o ano passado, mas com uma penalização mais forte. Os maiores responsáveis pelos novos são funcionários da Administração Local e das Forças de Segurança.

A maior afluência de pedidos à CGA ocorreu durante o segundo semestre de 2010, pelo que a instituição não hesita em atribuir ao Orçamento de Estado a responsabilidade pelo "maior afluxo de pedidos de aposentação ao antecipar a adopção do novo regime, mais restritivo, de penalização por pensão antecipada" que estava previsto entrar em vigor apenas para as pensões requeridas a partir de 1 de Janeiro de 2015. Ler mais...

Os novos brinquedos do exército

Helis vão custar 500 milhões de euros

Segundo o "Correio da Manhã", a compra e manutenção de dez helicópteros para o Exército, que estão a ser produzidos no âmbito de um programa cooperativo da NATO, vão custar a Portugal cerca de 500 milhões de euros. Cada heli NH90, cuja aquisição foi alvo de forte polémica entre o Exército e a Força Aérea, implicará uma despesa de 50 milhões de euros. Por dificuldades financeiras do país, a entrega dos helis já foi adiada três vezes desde 2006. Ler mais...

Estado vende ao Estado

Segundo o "Correio da Manhã", o Estado vendeu o Quartel da Bateria da Parede, na freguesia do concelho de Cascais, por 2,43 milhões de euros depois de o ter desafectado do domínio público militar.

A compradora foi a Estamo - Participações Imobiliárias, empresa do grupo Sagestamos cujo proprietário é o Estado. Ler mais...


Os hospitais e as dívidas às farmácias

Os hospitais devem à indústria farmacêutica mais de mil milhões de euros e os prazos médios de pagamento são superiores a um ano quando deviam ser de um máximo de três meses.

clique na imagem para aceder à notícia

17/04/11

A obra do PS

clique na imagem para aceder

Orçamento de base zero

SNS precisa de orçamento de base zero

Francisco Louçã afirmou que a capacidade de operação do SNS está em “colapso sistémico” devido aos “efeitos da sabotagem orçamental aprovada pelo PS e PSD” e apontou que “o SNS é dos [serviços públicos] que mais precisa do orçamento de base zero para que não seja destruída a capacidade da saúde pública de responder às necessidades das pessoas”.

Francisco Louçã apontou como exemplos do “colapso sistémico” do SNS a Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, que está a “estender a mão a um peditório às famílias dos utentes”, e “um hospital do distrito de Aveiro, que cobra uma caução de 15 euros a cada pessoa que vá visitar o seu familiar" ali internado. Ler mais...

Visitas a 15 euros


O Hospital de S. Sebastião chegou a chamar a polícia para intimidar um visitante que se recusava a pagar. O deputado Pedro Filipe Soares, que denunciou esta situação, considera que a “exigência é uma clara discriminação de quem está economicamente mais frágil” e questionou o Governo. Segundo a comunicação social, também os hospitais de Braga e Guimarães exigem uma caução de cinco euros aos visitantes de doentes internados. Ler mais...

Royal Romance

Estudantes da universidade de St. Andrews, na Escócia, onde o príncipe William e Kate Middleton estudaram, fizeram uma brincadeira com o casal em um clipe. Os estudantes, membros do grupo vocal The Other Guys, criaram uma paródia de Bad Romance, de Lady GaGa, intitulada Royal Romance. O clipe mostra a história de um garoto que se apaixona por Kate, mas não é correspondido.

A melhor dieta para emagrecer

Escolha o melhor pacote:

1º - 10 kg em cinco dias
2º - 20 kg em três dias (não é aconselhável para amadoras).
3º - 30 kg em um dia (apenas para profissionais).
Uma mulher viu o anúncio e decidiu ligar para o número de telefone da empresa para experimentar esta dieta milagrosa, ela pediu o primeiro pacote.
No dia seguinte tocaram na campainha da sua casa pela manhã, ao abrir, ela encontrou um jovem com um corpo perfeito, com apenas uns calções justos e uns ténis e um cartaz que dizia:

“Se me alcançar, serei seu!”

A mulher desatou a correr como uma louca pela rua após alguns km até que o alcançou e levou-o para casa e fizeram sexo durante cinco dias.
No final dos cinco dias a mulher pesou-se e tinha perdido 10 kg.

Passados alguns dias ela decidiu ligar novamente para a empresa e pediu que lhe enviassem o pacote número 2, quero perder 20 kg em três dias, do outro lado do telefone perguntaram-lhe:
- Tem a certeza que quer o pacote nº 2?
- Olhe que este pacote não é para amadores e nem para cardíacos.
-claro que tenho a certeza, respondeu a senhora.
No dia seguinte ainda de madrugada, tocaram á sua porta, ela correu para abrir, e encontrou um tipo todo escultural género Brad Pitt, mas melhor, totalmente nu, excepto uns ténis e um cartaz que dizia:

“Se me alcançar, serei seu!”

A mulher correu atrás dele por toda a cidade até que finalmente o apanhou, levou-o para casa e fizeram sexo durante três dias…20 kg a menos!!!

Passados mais alguns dias, a mulher decidiu pedir o pacote número 3, o tal para profissionais…
Estava decidida a perder 30 kg!
No dia seguinte tocaram á sua porta. Ela estava vestida com o seu vestido mais sexy, e pronta para o regabofe, abriu a porta e…
Á sua porta estava um homem, de ténis e com um cartaz que dizia:

“Se te alcanço serás minha!”

Finalmente o número de eleitor

Consulta dos cadernos de recenseamento
clique na imagem para aceder

Fernando Nobre

Fique sabendo que nunca mais o levo

O antigo secretário-geral do CDS, Basílio Horta, é candidato a deputado pelo PS. Li que:

"Ainda me lembro do ralhete de Mário Soares num daqueles debates televisivos com tanta credibilidade como certos combates de boxe em Las Vegas, quando o "pexote", extravasando o guião, acusou Mário Soares de "viajar muito à custa do erário público". O "velho leão", estremunhado, replicou de pronto:

- "Ai é?! Pois fique sabendo que nunca mais o levo"!

Pensamento do dia

"Grandes mentes discutem ideias;
Mentes pequenas discutem pessoas."

Alexandre Soares dos Santos

Portugal e o futuro - a série de entrevistas conduzida por Fatima Campos Ferreira - ofereceu-nos mais uma grande entrevista deste senhor. Bom senso e um forte sentido de resposabilidade social. Um exemplo para muitos outros empresários e para os políticos actuais.

O desafio da responsabilidade social
clique na imagem para assistir

Chamem a polícia...

Bombos, gaitas de foles e Sócrates na inauguração da CRIL

114 milhões de euros

A partir de hoje, e 32 anos depois de ter sido pensada e com um atraso de 13 anos face à data prevista da conclusão da obra, já é possível fazer a ligação rodoviária entre Sacavém e Algés sem ter de atravessar Lisboa de lés-a-lés. Ler mais...
clique nas imagens para aceder a mais informação

Ainda o apagão da Luz

FMI na Grécia, na Irlanda e agora em Portugal

Fraude e pobreza

clique na imagem para aceder à notícia

A procuradora Maria José Morgado e o especialista em corrupção Luís de Sousa alertaram que a corrupção pode agravar-se caso as medidas de redução do défice impostas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) penalizem a investigação judiciária.

Questionada pela agência Lusa sobre se a situação do país pode agravar a corrupção em Portugal, a directora do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa, Maria José Morgado, disse que “o cenário é pessimista”, defendendo que “estamos no caminho da fraude e da pobreza”. Acrescentou também que “a corrupção gera sempre corrupção, fraude e pobreza quando não é controlada”.

Vergonhoso

Maternidade Alfredo da Costa pede donativos aos utentes


Desde esta semana, as cartas de confirmação e marcação de consultas e os recibos de taxas moderadoras têm o número de identificação bancária da instituição, para o qual, se assim o entenderem, utentes e familiares podem fazer o donativo, no montante que quiserem.

Trata-se de uma prática "muito comum" noutros países europeus que "não é ilegal" e que, segundo Jorge Branco, "pode ajudar nas despesas" da maternidade, unidade financiada pelo Estado que enfrenta um "orçamento muito restritivo". Ler mais...

Quem é o melhor sogro de Portugal?

Sócrates! Porque deixa tudo à nora...

O que é que eu tenho que fazer para abafar o Sócrates?

16/04/11

Acorda!

imagem na página do Miguel Portas Facebook

Em que é que Portugal é bom?

Lady Antebellum - Need You Now

O poder da voz

A voz é um dos instrumentos de influência mais eficazes nas comunicações humanas. A voz revela nossas angústias, sonhos, alegrias e intenções. Ela imprime publicamente nossas características individuais. Quem busca o autoconhecimento tem na voz uma ferramenta especial que mostra traços importantes de nosso ser.

O que falamos é importante, mas o que dá credibilidade à mensagem é a harmonia e a coerência entre o que se diz e a forma como a voz transmite a informação. A voz é importante para que a mensagem seja compreendida. No ambiente profissional, a voz pode nos ajudar em inúmeras situações. Em qualquer circunstância é possível transmitir confiança, liderança, credibilidade, assertividade. Não são raros os profissionais com inúmeras qualidades, mas que não conseguem demonstrá-las por motivos associados à voz.

A capacidade de persuasão aumenta consideravelmente quando a voz é clara e bem definida, isso intensifica a compreensão da mensagem. Por meio da voz traduzimos quem somos o que sentimos e como enxergamos o mundo. Por meio dela é possível detectar as sombras e a luminosidade de cada um. A voz é uma arma poderosa e a comunicação é o quesito número um para se ter ou sucesso ou fracasso na vida profissional. Milton Vanderlei Lemke

Cuidado: eles também votam!

SIM: Estas pessoas votam!!!! Agora está explicado!
Fonte: recebido por e-mail

Um sujeito comprou uma geladeira nova e pra se livrar da velha, colocou-a em frente à casa com o aviso:
"De graça. Se quiser, pode levar". A geladeira ficou três dias, sem receber um olhar dos passantes... Ele chegou à conclusão que as pessoas não acreditavam na oferta. Parecia bom demais pra ser verdade, e ele mudou o aviso: "Geladeira à venda por R$ 50,00". No dia seguinte, ela tinha sido roubada!

Cuidado! Esse tipo de gente vota!


Olhando uma casa para alugar, meu irmão perguntou à corretora de imóveis de que lado era o Norte, porque não queria que o sol o acordasse todas as manhãs. A corretora perguntou: "O sol nasce no norte?". Quando meu irmão explicou que o sol nasce no Leste (aliás, há um bom tempo isso acontece), ela disse: "Eu não me mantenho atualizada a respeito desse tipo de coisa".

Ela também vota!


Antigamente, eu trabalhava em suporte técnico num centro de atendimento a clientes em Manaus. Um dia, recebi um telefonema de um sujeito que perguntou em que horário o centro de atendimento estava aberto. Eu disse a ele: "O número que o senhor discou está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana." Ele perguntou: "Pelo horário de Brasília ou pelo horário de Manaus?". Pra acabar logo com o assunto, respondi: "Horário de Manaus".

Ele vota!


Meu colega e eu estávamos almoçando no restaurante self-service da empresa, quando ouvimos uma das assistentes administrativas falando a respeito das queimaduras de sol que ela havia tido, ao ir de carro ao litoral. Estava num conversível, por isso "não pensou que ficaria queimada, pois o carro estava em movimento".

Ela também vota!


Minha cunhada tem uma ferramenta salva-vidas no carro, projetada para cortar o cinto de segurança, se ela ficar presa nele. Ela guarda a ferramenta no porta-malas!

Minha cunhada também vota!


Meus amigos e eu fomos comprar cerveja para uma festa, e notamos que os engradados tinham desconto de 10%. Como era uma festa grande, compramos 2 engradados. O caixa multiplicou 10% por 2 e nos deu um desconto de 20%.

Ele também vota!


Saí com uma amiga e vimos uma mulher com um aro no nariz, atrelado a um brinco, por meio de uma corrente. Minha amiga disse: "Será que a corrente não dá um puxão a cada vez que ela vira a cabeça?". Expliquei que o nariz e a orelha de uma pessoa permanecem à mesma distância, independente da pessoa virar a cabeça ou não.

Minha amiga também vota!


Eu não conseguia achar minhas malas na área de bagagens do aeroporto. Fui então até o setor de bagagem extraviada e disse à mulher que minhas malas não tinham aparecido. Ela sorriu e me disse para não me preocupar, porque ela era uma profissional treinada e eu estava em boas mãos. "Apenas me informe: o seu avião já chegou?"

Ela também vota!


Esperando ser atendido numa pizzaria, observei um homem pedindo uma pizza para viagem. Ele estava sozinho e o pizzaiolo perguntou se ele preferia que a pizza fosse cortada em 4 pedaços ou em 6. Ele pensou algum tempo, antes de responder: "Corte em 4 pedaços... Acho que não estou com fome suficiente para comer 6 pedaços". Adivinha?? Isso mesmo, ele também vota!


Pronto!
Agora você já sabe QUEM elege esses politicos

As pessoas votam em cromos

clique na imagem

Armindo Freitas-Magalhães, director do Laboratório de Expressão Facial da Emoção e especialista na detecção da mentira reconhece o peso da imagem nos dias de hoje, e nota que o eleitorado deixou de votar em projectos para votar nas imagens modeladas dos candidatos.

Quem ganha com a abstenção?

Aos políticos pouco importa quantos eleitores votam porque o que conta é a percentagem nos votos dos cidadãos que exerceram esse direito.

E é do interesse, apenas para os políticos que estão no poder, promover a abstenção de parte dos portugueses. Porque a sua insatisfação põe em risco os cargos já conseguidos. Para eles são bem-vindas vozes como a de António Marinho e Pinto, bastonário da Ordem dos Advogados, quando incita os portugueses a uma espécie de “greve à democracia” nas eleições legislativas antecipadas de 5 de Junho, frisando que não compreende como é que os portugueses ainda votam. (?). 

Mas não esclarece os portugueses do que acontece quando eles não votam (aqui e aqui!)

A crise não é para todos

António Costa no Intendente com renda de 5.600 euros/mês.
Ler mais...

"Saiu há tempos num jornal, que o Município de Lisboa é proprietário de tanto prédio, que nem sabe contabilizar o que tem. Não podia ter feito as obras em prédios camarários que estão devolutos? Porquê o Intendente? É esbanjar até fartar... o dinheiro não é dele."

Portugueses e islandeses

Como Portugal, a Islândia foi vítima da ganância financeira. Mas nem o último referendo parece dobrar a os islandeses pois o país está pronto para lidar com a crise.
 
 

Os islandeses e os bancos

ou o destino nas suas próprias mãos!


Landsbanki, um dos três grandes bancos islandeses, abriu uma filial pela Internet com uma conta de poupança a altas taxas de juro, Icesave, que fez furor entre britânicos e holandeses. Quando as coisas começaram a dar para o torto e o governo britânico detectou que o banco estava a repatriar capitais, aplicou-lhe a lei antiterrorista para congelar os fundos. Esse foi o detonador de toda a crise: provocou a falência em cadeia de toda a banca. E continua a dar tremendas dores de cabeça à Islândia. Ler mais...

A Holanda e o Reino Unido devolveram aos seus cidadãos 100% dos depósitos e agora exigem esse dinheiro: 4 mil milhões de euros, um terço do PIB islandês, nada menos. O governo chegou a um acordo para que os cidadãos pagassem em 15 anos e a 5,5% de juro: as pessoas organizaram-se para deitá-lo abaixo num referendo, depois do veto do presidente. Assim chegou um segundo pacto, mais vantajoso (juros de 3%, a pagar em 37 anos) mas quase 60% dos islandeses votaram não de novo, decidiram que não pagam pelos desmandes dos seus bancos.

Agni Asgeirsson, ex-executivo que foi despedido da Kaupthing e agora trabalha como engenheiro em Río Tinto, é cortante a esse respeito: "o primeiro acordo era claramente uma fraude. Este é mais discutível. Não queremos pagar, mas isso acrescentaria incerteza legal sobre o futuro do país. Mas interessante é como reagiram as pessoas". Esse é talvez o maior atractivo da resposta islandesa: a parlamentar e ex-magistrada francesa Eva Joly (a quem se atribuiu o início da investigação sobre a banca) assegura que o mais chamativo na Islândia é que num país "que se considerava a si mesmo um milagre neoliberal e onde se tinha perdido gradualmente todo o interesse pela política, agora as pessoas querem ter o destino nas suas próprias mãos".

A fé nos políticos e nos banqueiros demorará a voltar…

Procura-se. Banqueiro.

"Procura-se. Homem, 48 anos, 1,80 metros, 114 quilos. Calvo, olhos azuis"

A Interpol acompanha esta descrição de uma foto na qual aparece um tipo bem barbeado enfiado num desses fatos escuros de 2000 euros e enfeitado com um impecável nó de gravata. Vê-se à légua que se trata de um banqueiro: este não é um desses cartazes do oeste selvagem. A delinquência mudou muito com a globalização financeira.

Sigurdur Einarsson

Era o presidente executivo dum dos grandes bancos da Islândia e o mais temerário de todos, Kaupthing (literalmente, "a praça do mercado"; os islandeses têm um estranho sentido de humor, para além duma língua milenar e impenetrável). Einarsson já não está na lista da Interpol. Foi detido há uns dias na sua mansão de Londres. E é um dos protagonistas do livro mais lido na Islândia: nove volumes e 2400 páginas para uma espécie de saga delirante sobre os desmandes que a indústria financeira pode chegar a perpetrar quando está totalmente fora de controlo.

Islândia

Isto é a Islândia, o pedaço de gelo e rocha vulcânica que em tempos foi o país mais feliz do mundo (assim, tal como consta) e onde agora os taxistas lançam os mesmos olhares furibundos que em todas as partes quando se lhes pergunta se estão mais chateados com os banqueiros ou com os políticos...

O mais chamativo na Islândia é que num país "que se considerava a si mesmo um milagre neoliberal e onde se tinha perdido gradualmente todo o interesse pela política, agora as pessoas querem ter o destino nas suas próprias mãos. Ler mais...

Deus no céu e Socrates cá

"A pedido da direcção de Informação da TVI venho informar que as imagens do primeiro-ministro a testar o som, no púlpito em São Bento, fornecidas pela RTP, não são para utilizar". Aqui!

A psicose colectiva

começando no "Luís, estou bem assim?"

Dos dois assessores de imprensa de José Sócrates, Luís Bernardo, 41 anos ex-jornalista, é o efusivo, o que ri e troca anedotas, o que se dá mais ao convívio, enfim, exagerando, o folião. Tendo sido jornalista, trouxe para a função de assessor de imprensa toda a sua experiência enquanto tal, como o fazem a maior parte dos assessores de imprensa. Mas a verdade é que antes do jornalismo e antes da assessoria de imprensa já andava na política. É militante do PS desde 1987. Ler mais...


Entretanto o descrédito da classe política vai dando lugar a uma perigosa rejeição por parte dos cidadãos comuns. E uma de duas: ou ainda não foi totalmente consciencializada a gravidade da situação, ou então, o que é mais grave, afundámo-nos na mais absoluta loucura. Portugal já não precisa de bons líderes, pois a situação é bem mais grave. Precisamos antes de psiquiatras que curem esta psicose colectiva que se apoderou do nosso povo! Ler mais...